Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Portugal recebe o maior exercício NATO da década 
 
 
A partir de hoje e até 6 de novembro, decorre a fase Livex do Exercicio Trident Juncture 2015, com a presença de 13 mi militares no terreno.
 

A primeira fase do Exercício Trident Juncture 2015 terminou no dia 16 de outubro, após a condução de um Exercício de Postos de Comando (CPX) destinado ao pessoal de nível estratégico e operacional, que permitiu o treino, a avaliação e a certificação da estrutura de comando da Força de Resposta da NATO 2016 (sigla em inglês: NRF16) e do Staff do Quartel-general do NATO Joint Force Command Brunssum (JFCBS).

O LIVEX do maior exercício da história recente da NATO tem início hoje, dia 21 de outubro, a partir de três nações hospedeiras: Portugal, Itália e Espanha. No território nacional, o Trident Juncture 2015 (TJ15) decorre nas zonas de Beja, Santa Margarida, Tróia e Setúbal, com a presença de cerca de 13 mil militares no terreno, de 14 países da Aliança.

Até ao dia 06 de novembro, meios da Força Aérea, da Marinha e do Exército nacionais (cerca de três mil militares) vão estar envolvidos no treino tático e na certificação de diversas unidades militares, bem como no treino dos Comandos de Componente da NATO RESPONSE FORCE 2016. O objetivo principal do exercício é demonstrar a capacidade da NATO em planear, gerar, preparar, projetar e sustentar forças e meios atribuídos.

As componentes Aérea, Terrestre, Marítima e de Operações Especiais de diversos Quartéis-generais NATO vão trabalhar de forma articulada, a partir de várias localizações, num ambiente complexo e desafiante.

Várias organizações internacionais, agências de auxílio e organizações não-governamentais participam também no exercício, comprovando o compromisso e a contribuição da NATO para uma abordagem abrangente no âmbito da segurança internacional.

Com a totalidade da estrutura de Comando da Aliança envolvida, o TJ15 reúne cerca de 36 mil pessoas (de mais de 30 países), 140 aeronaves, 60 navios e sete submarinos, distribuídos pelos três países anfitriões.

Na final do Trident Juncture 2015, o Quartel-general do Comando de Forças Conjuntas Brunssum será oficialmente certificado para liderar a NATO RESPONSE FORCE ao longo de 2016, caso seja ativada.

Atualizado em: 25-10-2015 15:51 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer