Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Submarino Tridente integra força da NATO 
 
 
O Navio da República Portuguesa Tridente integrará a Standing NATO Maritime Group 2.
 

O Navio da República Portuguesa (NRP) Tridente larga hoje, da Base Naval de Lisboa para integrar a Força Naval Permanente da NATO - Standing NATO Maritime Group 2.

A Standing NATO Maritime Group 2 é uma força naval, multinacional, composta por meios aeronavais de vários países da Aliança Atlântica, que se encontra em permanência disponível para um amplo espectro de missões NATO, desde exercícios a operações militares reais.

Está também prevista participação do NRP Tridente na Operação Active Endeavour e no exercício internacional Noble Justification.

A Operação Active Endeavour é uma operação da NATO que se realiza no Mediterrâneo. É a única, até ao momento, ao abrigo do artigo 5º do Tratado do Atlântico Norte, que se centra na campanha internacional de combate contra o terrorismo. Tem como objetivo a condução de operações navais e aéreas nesta area do globo, incidindo na dissuasão, defesa e proteção contra atividades associadas ao terrorismo.

Relativamente ao exercício Noble Justification trata-se de um exercício naval NATO que tem por objetivo a preparação e a certificação da NATO Response Force para o seu empenhamento em cenários reais com diferentes quadros de conflitualidade, desde operações de carácter essencialmente militar, até missões de apoio humanitário ou assistência a populações civis.

O NRP Tridente executou, até este momento, 356 dias de missão, 6790 horas de navegação e 4645 horas de imersão e concretiza a terceira integração, em anos consecutivos, de um submarino desta classe numa força multinacional e na Operação Active Endeavour.

O regresso deste NRP está previsto para outubro.

Atualizado em: 22-09-2014 15:44 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer