Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Berta Cabral reafirma necessidade de ter “Forças Armadas bem preparadas” 
 
 
Secretária de Estado Adjunta e da Defesa Nacional presidiu, em França, às cerimónias do 96.º Aniversário da Batalha de La Lys.
 

 

“Proporcionar condições para que, num cenário geoestratégico volátil e complicado, tenhamos Forças Armadas bem preparadas e capazes” é uma tarefa dos políticos, considerou Berta Cabral durante a alocução que fez junto ao Monumento aos Mortos da Grande Guerra, este sábado, em La Couture, acrescentando que esta é também “uma condição sine qua non para que a Paz prevaleça sobre o Caos, como tem sido amplamente demonstrado ao longo da História”.

“As vidas de portugueses que foram ceifadas ou gravemente afetadas nestes campos da Flandres são muito mais do que suficientes para justificar a obrigação que temos de consciencializar as novas gerações para os perigos da guerra e para a obrigação que todos temos de evitá-la”, disse a Secretária de Estado Adjunta e da Defesa Nacional, perante algumas centenas de pessoas que se juntaram à homenagem aos combatentes da Grande Guerra, incluindo muitos representantes da comunidade portuguesa radicada em França.

Berta Cabral expressou gratidão “a todos os que têm permitido manter viva esta memória” e recordou igualmente os combatentes da Guerra Colonial e “também aqueles que, em circunstâncias diferentes, empenhados em missões humanitárias ou de paz e imbuídos de princípios éticos humanistas e civilizacionais, continuam, nas Forças Nacionais Destacadas, a defender os interesses de Portugal, da Europa e de um mundo livre e justo”.

Acompanhada do presidente da Liga dos Combatentes, General Chito Rodrigues, a Secretária de Estado Adjunta e da Defesa Nacional presidiu às cerimónias evocativas da Batalha de La Lys no Cemitério Militar Português de Richebourg e junto ao Monumento aos Mortos em La Couture.

Berta Cabral também esteve presente na condecoração a Felícia Assunção-Pailleux, filha de um soldado português combatente em La Lys, atribuída pela Liga dos Combatentes, que entregou Certificados de Sócio Honorário às cidades de Lille e Arras.

Antes de visitar a primeira fase das obras de recuperação do monumento no talhão português do Cemitério de Boulogne-sur-Mer, onde foi recebida pelo Maire  Frédéric Cuvillier, Berta Cabral inaugurou as exposições “Les Portugais dans les tranchées d’Artois & Lys” e “Images inédites de 1917 & 1918”, no Domaine de La Peylouse, em Saint-Venant, onde funcionou o Quartel-General do Corpo Expedicionário Português.

DISCURSO DA SECRETÁRIA DE ESTADO ADJUNTA E DA DEFESA NACIONAL

 

Atualizado em: 14-04-2014 13:25 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer