Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Portugal e Tunísia reforçam a cooperação na área da Defesa 
 
 
O ministro da Defesa da Tunísia, Ghazi Jeribi, terminou ontem a sua primeira visita oficial a Portugal, a convite do seu homólogo, José Pedro Aguiar-Branco.
 

O ministro da Defesa Nacional recebeu, esta semana, o seu homólogo da Tunísia que realizou uma visita oficial de três dias a Portugal.

O encontro entre as duas delegações teve início na segunda-feira, no Forte de São Julião da Barra, em Oeiras, onde os Ministros da Defesa foram recebidos com honras militares. Após a apresentação das delegações, seguiu-se uma reunião bilateral durante a qual os Ministros da Defesa assinaram um Protocolo de cooperação, entre os Institutos de Defesa Nacional dos dois países.

José Pedro Aguiar-Branco acompanhou ainda o seu homólogo Tunisino numa visita ao CITEVE (Centro Tecnológico e das Indústrias Têxtil e de Vestuário) e ao CENTI, (Centro de Nanotecnologia). Estes centros tecnológicos, sediados em Vila Nova de Famalicão, têm atualmente representação também na Tunísia, no Chile, no Paquistão, na Argentina e no Brasil.

O ministro da Defesa da Tunisia visitou ainda o Comando da Marinha, onde foi recebido pelo Chefe do Estado-Maior da Armada, Almirante Macieira Fragoso e o Comando da Força Aérea, onde foi recebido pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea, General Araújo Pinheiro. Ghazi jeribi foi ainda recebido em audiência, no Palácio de Belém, por Sua Excelência o Presidente da República.

O relacionamento bilateral no sector da Defesa entre Portugal e Tunísia remonta a 1995, ano em que foi assinado o primeiro Acordo de cooperação bilateral neste âmbito. A Convenção entre a República Portuguesa e a República da Tunísia de Cooperação no Domínio da Defesa, assinada em 2013, veio reforçar o relacionamento entre os dois países.

Esta cooperação bilateral tem-se concretizado através da realização de diversas atividades, essencialmente de carácter operacional, nas áreas da cartografia, treino em busca e salvamento, observação de exercícios, bem como intercâmbios entre as Academias Militares e os Institutos da Defesa Nacional.

Esta visita constituiu uma oportunidade renovada para ambos os Ministros da Defesa reafirmarem a intenção de identificar novas áreas de cooperação, com vista a aprofundar o já estreito relacionamento bilateral nesta área, bem como trocar impressões sobre assuntos internacionais.

Portugal e a Tunísia têm tido um relacionamento estreito na área da Defesa, mas estão empenhados em consubstanciarem uma parceria futura ainda mais alargada.

Atualizado em: 22-05-2014 11:08 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer