Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Primeiro-ministro visita destacamento da Força Aérea na Operação Índalo, em Málaga 
 
 
Pedro Passos Coelho visitou o destacamento nacional em missão na Frontex e reforçou que Portugal está disponível para apoiar mais missões de gestão de fronteiras externas.
 

O primeiro-ministro e o ministro da Defesa Nacional afirmaram, esta manhã, que Portugal está disponível para apoiar mais missões de patrulhamento de fronteiras externas, designadamente, no controlo da migração ilegal.

Durante uma visita ao destacamento nacional da Operação Indalo, em Málaga, Pedro Passos Coelho, acompanhado pelo ministro da Defesa Nacional, José Pedro Aguiar-Branco, e pela ministra da Administração Interna, Anabela Rodrigues, inteirou-se do balanço provisório desta missão da Agência Europeia Frontex, a decorrer até sexta-feira.

Só no último mês, a aeronave C-295 da Força Aérea Portuguesa detetou, nas fronteiras marítimas a sul de Espanha, 146 embarcações com 672 refugiados a bordo, a maioria deles de nacionalidade marroquina, seguida da argelina. Para além da aeronave C295, este destacamento é constituído por 19 militares e uma aeronave C-295, da Esquadra 552 – “Elefantes”.

Relativamente à operação Triton, a decorrer no sul de Itália, e na qual está empenhada, desde 1 de julho, uma aeronave P-3C CUP+, da Esquadra 601 – “Lobos”, a operar a partir de Sigonella, há o registo de 500 embarcações detetadas com cerca de 78.100 pessoas a bordo, a maioria originários da Líbia.

Portugal colabora anualmente, desde 2011, com meios humanos e materiais da Marinha, da Força Aérea e da Polícia Marítima, em operações conjuntas da Agência Frontex, especialmente no âmbito da deteção dos fluxos migratórios ilegais no Mediterrâneo, em resposta a pedidos internacionais veiculados através do SEF-Serviço de Estrangeiros e Fronteiras.

Em declarações a comunicação social, o primeiro-ministro referiu que faz falta concertar, ao nível da União Europeia, uma estratégia de combate à migração ilegal e que compromete, atualmente, a segurança de todo o continente.

Atualizado em: 30-07-2015 09:04 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer