Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
NPO Viana do Castelo participa em missão do FRONTEX no Mediterrâneo 
 
 
O navio português participa na missão INDALO 2015, até 31 de agosto, em cooperação com a Agencia Frontex e o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras.
 

O navio patrulha oceânico VIANA DO CASTELO largou no dia 29 de julho, rumo ao mar Mediterrâneo, para participar na missão INDALO 2015, no âmbito da agência FRONTEX da União Europeia, que visa o controlo dos fluxos migratórios provenientes do norte de África.

A missão INDALO 2015, conduzida no Mediterrâneo ocidental, em águas espanholas e nas fronteiras marítimas com a Argélia e Marrocos, tem como finalidade detetar, localizar, identificar e impedir a atividade ilegal de embarcações envolvidas nesta atividade associada aos fluxos migratórios irregulares, e prestar socorro sempre que necessário.

Esta missão, enquadrada no esforço europeu de controlo das suas fronteiras externas, está a ser coordenada pelas autoridades espanholas e conta com a participação de diversos meios de várias entidades de países da UE.

A participação do navio da Marinha portuguesa nesta operação, decorrerá até ao dia 31 de agosto.

O NPO Viana do Castelo conta com 67 militares embarcados, dois inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e um oficial de ligação espanhol.

O navio, comandado pelo capitão-tenente Jorge Miguel Morais Chumbo, assegurará mais de 500 horas de patrulha e prevê-se que percorra cerca de 4.000 milhas marítimas na área de operações.

Atualizado em: 04-08-2015 11:48 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer