Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Exército Português e a URAP assinam protocolo‬ 
 
 
O objetivo é preservar memórias desde a resistência à ditadura do Estado Novo e da violência exercida pela PIDE em Portugal.
 

O ministro da Defesa Nacional, José Pedro Aguiar-Branco presidiu, esta manhã, à cerimónia de assinatura do protocolo "Do Heroísmo à Firmeza - percurso na memória da casa da PIDE no Porto, 1930-1974", celebrado entre o Exército Português e a União dos Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP).

Este documento formaliza e regula a colaboração entre as duas entidades na concretização de uma parte do projeto (da autoria do arquiteto e investigador Mário Mesquita) denominado "Do Heroísmo à Firmeza".

Durante as palavras que dirigiu aos presentes, o ministro da Defesa Nacional disse que "a democracia exige um trabalho diário e uma luta constante" referindo que é importante não esquecer que houve no passado quem tenha lutado pela simples liberdade de pensamento e de expressão e que esta realidade deve ser "regada todos os dias".

A URAP prevê disponibilizar um percurso expositivo e fontes documentais, nomeadamente normas de serviços, entrevistas a presos políticos, registo geral dos presos, bibliografias com memórias e fotografias.

Atualizado em: 01-09-2015 23:11 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer