Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
ÁLVARES CABRAL regressou de Cabo Verde  
 
 
A fragata esteve numa missão em Cabo Verde, a apoiar na gestão da catástrofe natural provocada pela atividade do vulcão na Ilha do Fogo.
 

A fragata ÁLVARES CABRAL chegou ontem, dia 14 de dezembro, durante a manhã, à Base Naval de Lisboa, após ter participado nas operações de apoio à população de Cabo Verde, afetada pela erupção do vulcão Pico do Fogo, na ilha do Fogo.

A operar no arquipélago cabo-verdiano desde 3 de dezembro, o navio da Marinha Portuguesa, conduziu várias missões de apoio à população de Chã das Caldeiras, a mais afetada pela erupção vulcânica que está em curso desde 23 de novembro.

Entre as várias missões, salienta-se o apoio médico-sanitário e alimentar prestado nos centros de deslocados e o empenhamento do helicóptero orgânico Lynx, na monitorização da atividade vulcânica e captação de imagens com recurso a câmara de imagem térmica na área compreendida entre a cidade dos Mosteiros e São Filipe, e ainda na evacuação de uma cidadã portuguesa grávida, da ilha do Fogo para a ilha de Santiago.

A fragata Álvares Cabral, comandada pelo Capitão-de-fragata Alexandre Gamurça Serrano, tem um total de 201 militares embarcados, sendo 26 do sexo feminino.

 

Atualizado em: 15-12-2014 19:04 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer