Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Secretária de Estado da Defesa Nacional presente na abertura do Curso Intensivo de Segurança e Defesa 
 
 
A Secretária de Estado da Defesa Nacional, Ana Santos Pinto, esteve presente na abertura do Curso Intensivo de Segurança e Defesa
 

A Secretária de Estado da Defesa Nacional, Ana Santos Pinto, esteve presente na abertura do Curso Intensivo de Segurança e Defesa, no âmbito das Jornadas Descentralizadas de Segurança e Defesa, que decorreu no Salão Nobre da Câmara Municipal de Faro.

Ana Santos Pinto afirmou que “a sensibilização da sociedade portuguesa para os temas da Defesa Nacional constitui-se como um dos eixos da ação do Ministério da Defesa Nacional”. A governante sublinhou que a importância de se associar a esta iniciativa de “descentralização do debate e da promoção do conhecimento sobre as questões associadas à Defesa Nacional”, através da “triangulação entre o que é a ação do Instituto da Defesa Nacional, a relação com as comunidades locais e com as universidades, que está no centro daquilo que se pretende” como a criação de uma “plataforma privilegiada de diálogo com a sociedade”.

A governante referiu que o debate sobre a “Defesa Nacional e as orientações que esta política pública deve seguir é um dos grandes objetivos destas jornadas” que passam pela promoção da discussão “por vários pontos do território nacional e sempre em estreita articulação com as comunidades de interesse locais” e de uma “forma privilegiada com os municípios”, permitindo assim “criar interlocutores informados, interessados e empenhados nestas matérias”.

“Nós não estamos seguros, nós sentimo-nos seguros” destacou Ana Santos Pinto como a “perceção de segurança” que é dependente do “conhecimento que tenhamos sobre a envolvente” e “é por isso que este tipo de ações, do ponto de vista da formação, servem também para nós verificarmos a qualidade da informação que nos chega e para criarmos um conhecimento próprio que nos faz interagir com o ambiente que nos rodeia”.

A Secretária de Estado da Defesa Nacional destacou o “caminho longo e um caminho persistente” que tem de ser percorrido para que, na sociedade, os cidadãos “estejam atentos e mobilizados” para as temáticas da Defesa Nacional e da segurança, onde permanece a ideia e "o equívoco de que a Defesa Nacional, enquanto área de soberania, permanece, ou deve permanecer como reduto de um grupo restrito”. Mas a “democratização destas questões”, acrescenta Ana Santos Pinto, deve ser uma “prioridade” pois a Defesa Nacional “diz respeito a todos os portugueses, a todas as faixas etárias, a todos os contextos socioeconómicos e culturais e a todas as áreas geográficas do país”.

“Chamar mais portugueses para este debate é absolutamente fundamental, e uma das orientações que definimos para a nossa ação governativa” disse a governante.

O Curso Intensivo de Segurança e Defesa, que tem como objetivo promover o debate de assuntos no âmbito da segurança e defesa, é promovido pelo Instituto da Defesa Nacional, em parceria com a Câmara Municipal de Faro e a Universidade do Algarve, em horário pós-laboral, e decorre de 29 de março a 4 de abril no Salão Nobre da Câmara Municipal de Faro. O Curso destina-se a todos os interessados em aprofundar conhecimentos nestas áreas, nomeadamente entidades e Instituições representativas da sociedade civil do Distrito de Faro.

Estiveram presentes, na abertura do Curso, o Presidente da Câmara Municipal de Faro, Rogério Bacalhau, o Diretor do Instituto de Defesa Nacional, Major-General Vítor Viana, o Reitor da Universidade do Algarve, o conferencista que proferiu a lição inaugural, o Coronel tirocinado Nuno Lemos Pires, e demais autoridades militares e civis e os auditores do curso.

Atualizado em: 10-04-2019 12:43 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer