Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Prontex 17 testa capacidades de combate da Marinha 
 
 
No âmbito do Exercício “Prontex 17”, o ministro da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, assistiu a uma demonstração de capacidades de combate da Marinha, com especial enfoque na ação do Destacamento de Ações Especiais dos Fuzileiros e da Força de Fuzileiros.

No âmbito do Exercício “Prontex 17”, o ministro da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, assistiu a uma demonstração de capacidades de combate da Marinha, com especial enfoque na ação do Destacamento de Ações Especiais dos Fuzileiros e da Força de Fuzileiros, que decorreu em Tróia e Pinheiro da Cruz.

O Ministro da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, acompanhado do Chefe de Estado-Maior da Armada, Almirante Silva Ribeiro, teve a oportunidade de testemunhar de perto as várias ações desenvolvidas pelo Destacamento de Ações Especiais (DAE) dos Fuzileiros e da Força de Fuzileiros, no âmbito do exercício naval “Prontex 17” que iniciou no dia 13 de julho e termina no próximo dia 21 de julho.
Na passada terça-feira, Azeredo Lopes viajou a bordo do submarino Arpão, assistiu ao lançamento de elementos das forças especiais dos fuzileiros a partir de um C-130 da Força Aérea Portuguesa, viu um assalto das forças especiais a um navio mercante e um desembarque anfíbio na Praia da Raposa. Na área de exercícios militares de Pinheiro da Cruz, assistiu a um combate em situação de emboscada terminando com uma situação de tiro real de combate.

“A operação Prontex, tem em vista treinar, reforçar capacidades, para podermos, por exemplo, ter uma ação mais interveniente e mais competente ainda, na área da segurança marítima, na área da proteção de navios”, destacou o Ministro da Defesa, considerando que é “uma oportunidade para Portugal demonstrar a sua capacidade e para ser aquilo que é, um prestador de segurança, mais até que um consumidor de segurança”, concluiu.

O exercício “Prontex 17” tem como objetivo a realização de um treino operacional de uma força naval, de forma a desenvolver e manter os níveis de prontidão operacional das unidades constituídas em Força Naval e do Comando, de navios de superfície, da força anfíbia e de operações especiais.

Atualizado em: 20-07-2017 18:36 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer