Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Portugal vai reduzir a presença militar no Afeganistão 
 
 
José Pedro Aguiar-Branco anunciou que o contingente militar português no Afeganistão será reduzido de 230 militares, para cerca de 158.
 

O Ministro da Defesa Nacional anunciou hoje, em conferência de imprensa realizada com o seu homólogo norte-americano no Forte de São Julião da Barra, que Portugal irá reduzir a sua presença militar no Afeganistão já a partir de Outubro.

"Dentro da calendarização estabelecida de forma gradual e coordenada, Portugal começará a reduzir o seu efetivo no Afeganistão a partir de outubro, data em que está previsto deixarmos de participar na missão de apoio à segurança do aeroporto de Cabul, por via dessa redução deixaremos de ter um contingente de cerca de 230 militares para termos 158 militares", declarou Aguiar-Branco.

O Ministro da Defesa Nacional salientou ainda que o Governo português “acompanhará de perto” a posição dos restantes países da NATO em relação à missão no Afeganistão.

Relativamente às razões de fundo que levaram à intervenção naquele pais, e que se prendem com o combate ao terrorismo, Aguiar-Branco sublinhou que "é bom relembrar esses motivos para que não se deixe nunca de considerar a sua importância".

 

VÍDEO DAS DECLARAÇÕES

 

 

Atualizado em: 16-01-2013 11:51 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer