Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Ministro da Defesa Nacional destaca “importância do trabalho preventivo” da Capitania do Porto do Douro 
 
 
José Pedro Aguiar-Branco foi ver os estragos causados pela agitação marítima das últimas semanas.
O Ministro da Defesa Nacional, José Pedro Aguiar-Branco, destacou a “importância do trabalho preventivo” da Capitania do Porto do Douro, depois de assistir a uma exposição sobre os danos causados pela agitação marítima nas últimas semanas.

“Vim visitar uma das componentes da Autoridade Marítima Nacional para mostrar o quanto é importante esta atividade no apoio às populações”, referiu Aguiar-Branco, acrescentando que é necessária “uma pedagogia de ensino às pessoas, para não terem comportamentos de risco", nomeadamente junto ao mar.

A Capitania do Porto do Douro, tutelada pelo Departamento Marítimo do Norte, tem responsabilidades sobre o território compreendido entre Caminha e Figueira da Foz.

A recente agitação marítima provocou diversos estragos nas localidades costeiras, destruindo bares, apoios de praia, dunas e outras estruturas. O comandante da Capitania, Martins dos Santos, destacou, na sua exposição, o facto de “só em Gaia”, terem sido destruídos “15 quilómetros de passadiços de madeira”.

"A inexistência de uma cultura de segurança induz comportamentos de risco junto à orla costeira", afirmou o comandante, acrescentando que cabe à Capitania que tutela "combater e dissuadir” esses “comportamentos”. O combate à pesca ilegal, aos incêndios florestais e à poluição marítima por hidrocarbonetos, são outras das atividades que conduz ao longo do ano.

 

Atualizado em: 26-02-2014 09:58 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer