Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Jovens convidados a promover o Turismo Militar 
 
 
Secretário de Estado da Defesa Nacional participou no lançamento do concurso de ideias que visa fomentar o turismo militar
 

Cerca de dois mil jovens, provenientes de norte a sul do país, invadiram na passada quarta-feira o Regimento de Infantaria nº 10, em Aveiro. A placa de aterragem da unidade militar foi palco da apresentação do concurso de Ideias "Mentes brilhantes para o Turismo Militar".

O evento contou com a presença do Secretário de Estado da Defesa Nacional (SEDN), Marcos Perestrello, acompanhado pelo Chefe do Estado-Maior do Exército, General Rovisco Duarte. Fizeram-se também representar as entidades empresariais e autárquicas da região, assim como várias universidades nacionais, mas também de Espanha, Inglaterra e Brasil.

A ideia do Ministério da Defesa e da Universidade de Aveiro, parceiros nesta iniciativa, é incentivar jovens universitários e também do Ensino Secundário a ter "ideias brilhantes" para o Turismo Militar.

Nada melhor que colocá-los no terreno e mostrar-lhes uma unidade militar, as vivências e valências projetadas nas múltiplas atividades lúdicas e físicas que preencheram o dia. "Esperamos que tenham tido um dia divertido, que vos leve a criar simpatia pela instituição militar e a ter ideias brilhantes", disse Marcos Perestrello no momento em que se dirigiu aos jovens.

"O que vos pedimos, a vocês que são o futuro deste país, é que tenham ideias sobre formas que nos permitam tirar partido do turismo militar", afirmava o SEDN num tom descontraído que foi cativando a audiência. "O turismo militar é tudo aquilo que nós consigamos imaginar, que em torno do fenómeno militar possa contribuir para o desenvolvimento turístico, hoje em dia, uma das atividades mais importantes para a nossa economia", explicou.

Mais tarde, em declarações à comunicação social, Marcos Perestrello afirmou que "não podemos estar à espera que seja o Estado a criar e a gerar todos os fenómenos económicos, e toda a capacidade de desenvolvimento à volta do potencial que existe no turismo militar. Temos que envolver as pessoas nisso, nomeadamente os jovens". Além do potencial económico, o SEDN lembrou que o turismo militar "pode ter um contributo muito importante para a consolidação da identidade nacional."

Aliando a história, a tecnologia e o desporto, a atenção dos jovens foi sendo captada ao longo do dia, quer através das aeronaves F-16 que sobrevoaram a unidade militar, ou do balão de ar quente dos paraquedistas da casa que lhes oferecia uma vista panorâmica da área.

Ativamente foram envolvidos em atividades de treino militar, contactaram com um exército de recriação de batalhas históricas, visitaram exposições de valências militares e embarcaram na Caravela Vera Cruz. Uma operação nas três frentes: mar, terra e ar, que terminou com um salto de paraquedas que não excluiu os jovens visitantes.

Sofia Freitas, uma aluna da Universidade de Aveiro, foi convidada a participar num salto de queda livre, monitorizado por um experiente paraquedista, que culminou com a entrega da camisola do concurso e da bandeira do Turismo Militar ao Secretário de Estado da Defesa Nacional.

O concurso " Mentes brilhantes para o Turismo Militar" pretende “recrutar” os jovens neste novo impulso que a Defesa Nacional pretende dar ao Turismo Militar, convidando-os a apresentarem projetos criativos e inovadores na área. Combinando a criatividade dos jovens, as novas tecnologias, uma rede de parceiros e múltiplas ações de marketing, o objetivo final é colocar o património militar ao serviço da comunidade.

Atualizado em: 03-01-2017 10:49 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer