Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Grã-Cruz da Medalha de Mérito Militar 
 
 
O Chefe do Estado-Maior da Defesa do Reino de Espanha, Almirante General D. Fernando García Sánchez, foi hoje condecorado com a Grã-Cruz da Medalha de Mérito Militar no Ministério da Defesa Nacional
 

O Chefe do Estado-Maior da Defesa do Reino de Espanha, Almirante General D. Fernando García Sánchez, foi hoje condecorado com a Grã-Cruz da Medalha de Mérito Militar no Ministério da Defesa Nacional. O Ministro da Defesa Nacional, José Alberto Azeredo Lopes, presidiu à cerimónia e impôs a Grã-Cruz da Medalha de Mérito Militar por iniciativa do Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas, General Artur Pina Monteiro, após a distinção ter sido atribuída pelo Presidente da República.

Azeredo Lopes sublinhou a “satisfação, enquanto Ministro da Defesa, por poder presidir a esta cerimónia de tão grande simbolismo no que diz respeito às relações de amizade e cooperação na área da Defesa entre Portugal e Espanha e que visa reconhecer o trabalho, a dedicação e o esforço em prol dessas mesmas relações”. O Ministro da Defesa realçou diferentes compromissos ao nível da Defesa como o V Conselho Luso-Espanhol de Segurança e Defesa ou a assinatura da Declaração de Intenções Conjunta para o reforço da cooperação bilateral que permitiu estreitar e agilizar contactos entre as respetivas Direções-Gerais de Política de Defesa.

O Ministro da Defesa Nacional e o Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas enalteceram o modo extraordinariamente notável, prestigiante e muito distinto, como o Chefe do Estado-Maior da Defesa do Reino de Espanha tem vindo a colaborar com as Forças Armadas Portuguesas, bem como o modo como tem incentivado e contribuído para o desenvolvimento das relações de amizade e cooperação entre as duas Forças Armadas.

O General Pina Monteiro destacou o elevado interesse e disponibilidade constante em incrementar a cooperação ao nível militar e referiu como exemplo de amizade e cooperação bilateral e multilateral excecionais a participação de militares portugueses e espanhóis no Campo Besmaya, no Iraque, assim como a excelente cooperação no âmbito do planeamento e preparação do exercício da NATO Trident Juncture 2015, no qual ambos os países foram anfitriões.

O Almirante General D. Fernando García Sánchez agradeceu a distinção, considerando esta como o reconhecimento também das Forças Armadas espanholas. Para o Chefe do Estado-Maior da Defesa do Reino de Espanha, existem laços profundos e sólidos de amizade entre Portugal e Espanha, e estes dois países, pela sua história e geografia, têm o dever de se entender.

O Almirante General considerou que tem havido uma muito proveitosa relação bilateral e multilateral; ambas as Forças Armadas têm demonstrado uma enorme capacidade de trabalhar em conjunto, não só nos casos referidos pelo General Pinta Monteiro, mas também ao nível do 5+5, da ONU, da UE – nomeadamente na Operação Sophia -, na NATO através da participação na Very High Readiness Joint Task Force – através da integração de uma Unidade de Escalão Batalhão na Brigada enquadrante espanhola.

 

 

Intervenção do Ministro da Defesa Nacional, José Alberto Azeredo Lopes

 

 

Atualizado em: 16-11-2016 11:43 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer