Saltar para o conteúdo principal
HOME
ATUALIDADE
MULTIMÉDIA
LIGAÇÕES
RESERVADO
INSTITUCIONAL
Azeredo Lopes no Dia da Defesa Nacional em Boston: “Portugal conta convosco” 
 
 
Os jovens a residir nos Estados Unidos da América participaram a bordo do navio-escola Sagres, símbolo de Portugal e do espírito Português
 

“Eis-me aqui, a trazer-vos um pouco de Portugal, a dizer-vos que Portugal não esquece os seus jovens, a dar-vos a conhecer as instituições, nomeadamente a Defesa Nacional e as Forças Armadas, que todos os dias asseguram a nossa soberania enquanto nação, que prestam um serviço valiosíssimo em missões de interesse público e de apoio aos nossos concidadãos”, declarou o Ministro Azeredo Lopes, dando, assim, as boas-vindas aos cerca de 60 jovens que participaram no Dia da Defesa Nacional em Boston, EUA, esta terça-feira, a bordo do Navio-Escola Sagres.

O Ministro da Defesa explicou aos jovens como Portugal está empenhado em participar na construção de uma sociedade sustentada em valores de Paz, Democracia e Igualdade, afirmando que “Portugal conta convosco” para a construção de um mundo melhor, para a promoção dos valores mais nobres e que também os jovens podem contar com o país.

Como testemunho desse compromisso, deu a conhecer o contributo da Defesa e das Forças Armadas para a segurança internacional e a defesa coletiva, referindo as missões de patrulhamento e de segurança marítima, o policiamento e o reconhecimento e vigilância do espaço aéreo, as missões de apoio à formação e treino: “uma presença portuguesa que se faz sentir na Lituânia e na Roménia, no Kosovo, no Afeganistão e na Colômbia, no Báltico, no Mediterrâneo e no Índico, na República Centro-Africana, na Somália e no Mali, no Iraque e no Golfo da Guiné”.

 

 

“Estamos juntos”

Azeredo Lopes considerou indissociável a cidadania da Defesa Nacional, sendo esta última, um dever de todos e a que a todos diz respeito, incluindo aos jovens que vivem fora de Portugal e deixou um apelou aos presentes para que não percam o sentimento de pertença, mas que o aprofundem, o cultivem e o acarinhem porque "estamos juntos”. E explicou porquê: “Estamos juntos porque a nossa História, a nossa cultura, a nossa língua, os valores da Democracia, dos Direitos Humanos e do Estado de Direito nos unem e são mais fortes que a distância que o oceano Atlântico põe entre nós”.

Pelo terceiro ano consecutivo, o Dia da Defesa Nacional realizou-se junto das comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo, um momento de convivência e de proximidade que permite o aprofundamento do conhecimento mútuo entre os jovens residentes no estrangeiro e a Defesa Nacional.

À semelhança das edições anteriores, os jovens a residir nos Estados Unidos da América participaram a bordo do navio-escola Sagres, símbolo de Portugal e do espírito Português, que já percorreu 600.000 milhas — o equivalente a 28 voltas ao mundo —, que conheceu 60 países e chegou a 170 portos, que conta 100.000 horas no mar.

Cerca de 14% dos jovens portugueses nascidos em 1999, e que deveriam cumprir o Dia da Defesa Nacional em 2018, encontram-se a residir no estrangeiro. Por ano, cerca de 20.000 jovens que nasceram em Portugal já não se encontram à data de cumprimento do Dia da Defesa Nacional a viver no seu país.

 

Atualizado em: 03-07-2018 10:26 
QUEM SOMOS CONTACTOS MAPA DO SITIO
Desenvolvido por ATASA, Centro de Dados da Defesa/SG/MDN @ 2012 Defesa Nacional - Optimizado para Internet Explorer